porque nem tudo na vida tem explicação, convem ter sempre uma bequilha à mão

14
Fev 09

Este é o outdoor do SPD alemão acerca do desemprego. Por cá, fazem-se narizes de pinóquio ao primeiro ministro e merdas do género. Triste país este.

 

 

publicado por pitti às 20:45
sinto-me:

Sempre ouvi dizer que era em tempo de crise que as ideias inovadoras tinham maior aceitação e por consequencia maior rentabilidade. Dado esse facto decidi estudar algumas ideias, que a meu  ver poderiam de alguma forma dar-me um dinheirinho extra a ganhar. Vou expo-las aqui mas meramente com o intuito de arranjar financiador para estas ideias maravilhosas.

1 - Franchising de centros de emprego; parece-me que com tantos desempregados os centros de emprego não vão ser suficientes, tanto mais que lá só trabalham funcionários publicos...

2 - Farinha de emagrecimento para Porcos; estamos numa época em que tudo e todos querem manter a linha e, parece-me, que existe uma falha grave na alimentação dos suinos, já fazia falta uma farinha de emagrecimentos. Taditos dos bichos, nem podem ir à praia em paz...


Se tiverem alguma ideia partilhem.

publicado por pitti às 20:08

29
Jan 09

Muito se tem discutido estes últimos tempos sobre a origem da crise, recessão, desemprego... e é sobre este ultimo que venho apresentar uma teoria, desenvolvida por mim, totalmente revolucionária, e talvez ainda mais... vamos lá.... parva..., mas julguem vocês e comentem.

 

Ora após tantos anos de desenvolvimento nos departamentos de recursos humanos e em métodos de selecção só podiam dar numa coisa... DESEMPREGO, os lugares de trabalho começam a ficar ocupados por gente competente que acaba por fazer o trabalho de 3 ou 4.... vai daí mais 2 ou 3 incompetentes para o desemprego...

 

Agora se isto fosse assim era uma alegria, mas estou convencido que ainda estamos no principio, ainda há muito incompetente empregado, qualquer dia faço-vos uma visita guiada ao meu local de trabalho para provar.... e da mesma forma ainda há pessoas competentes desempregadas, mas estou convencido que estamos no bom caminho...

publicado por pitti às 01:04
sinto-me:

18
Jan 09

Andava eu a navegar sem bússola quando deparei com isto...

 

Sim, eu gosto de socorrismo... lésbicas nem por isso, acho um desperdício, mas gostava de saber quais são as especificidades do socorro em lésbicas, se calhar até podia aprender alguma coisa.

 

Tenho dito

 

publicado por pitti às 18:39
sinto-me:

15
Jan 09

Ora viva...

 

Foi preciso o Ossama Bin Laden, grande amigo meu, voltar a mandar uma gravação áudio para a TV para eu voltar a escrever alguma coisa.... Rais ca parta, ele tem mais contactos que eu.

 

Bem, se quiserem continuar actualizados... é melhor lerem o jornal, por aqui não é fácil safarem-se, mas vou fazer mais um esforço, afinal de contas estou a trabalhar....lol

 

Já agora feliz Pascoa, bom Carnaval e cuidado com os muçulmanos solteiros (boa dica Policarpo)...lol

 

Tenho Dito!!!

publicado por pitti às 04:45
sinto-me:
música: I Fell Good!!!

18
Ago 08

Os Russos invadiram a Geórgia, e mesmo prometendo que iam sair já à uns dias continuam por lá a divertir-se! Mas hoje o Dimitry Medvedev vem garantir que a retirada das tropas Russas começa amanhã.

Eu sinto alguma empatia pelos Russos porque no fundo eu sou como eles, quando a minha mãe me chama para ir comer/trabalhar e eu estou entretido a blogar ou a fazer outra coisa interessante, a minha resposta é normalmente "Já vou...", sim porque se eu me estou a divertir porquê que me vão interromper, ora, é isso mesmo que a Rússia está a fazer, está a brincar às guerras e tem os USA e França  a fazerem de mães - embora só a França tenha alguma autoridade para criticar, mas isso são outras conversas.

Quando a minha mãe ameaça tirar-me o computador, eu posso demorar um bocado, mas lá largo o que estou a fazer a meio e vou fazer as minhas obrigações, se formos a ver é exactamente isso que a Rússia está a fazer.

Por isso digo, a Rússia não passa de uma criança a brincar ás guerras.

PS: Quando acabei de escrever o Nicolas Sarkozy veio dizer que se a Rússia não tirasse as tropas rapidamente iria sofrer graves consequências, lá está, só vem comprovar a minha tese. Eu se não cumprir o que a minha mãe me manda fazer também sofro graves consequências!

publicado por tiagotex às 01:28

16
Ago 08

Pois que à primeira vista não tem nada a ver mas, segundo alguém que não me lembro quem foi mas prometo investigar, o universo está organizado de determida forma e quando algo se altera poderá causar alterações em algo que não está relacionado, agora que penso nisso a guerra na Georgia poderá ter sido provocada pela unica vitória do Benfica na pré-época.

Mas voltando à origem do post, crise no PSD e as auto-estradas, ninguem está a ver a ligação? Eu explico... Como é logico, com a crise no PSD começa a deixar de haver votantes na direita, visto que o CDS tambem não será grande solução, digo eu e não quero que tirem qualquer elação politica deste post, da mesma forma vão verificar que nas auto-estradas de 3 faixas quase ninguem anda pela faixa da direita... centro e esquerda é à fartazana... mas direita??? nem vê-la.

Tenho dito...

publicado por pitti às 08:30
sinto-me:

13
Ago 08

Como já todos devem ter lido/ouvido o presidente dos Estados Unidos mandou a sua representante, Condoleezza Rice, para a Georgia. Mas alguém sabe o que foi ela fazer? Bem, segundo as minhas fontes altamente informadas, ou se calhar foi só imaginação minha, ela vai apresentar uma contraproposta de fornecimento de material bélico, vulgo armamento, porque segundo consta a Russia tem o exclusivo para aqueles mercados.

Toda a gente sabe que os Estados Unidos são contra todas as guerras, nas quais não estejam a fornecer o armamento é claro.

Tenho dito... 

publicado por pitti às 18:39

12
Ago 08

 

Será de mim ou o norte-americano Michael Phelps vai trazer mais medalhas de ouro para casa que os portugueses todos juntos de todas as raças de medalhas...

Tambem agora que penso nisso ele tem um pé tamanho 47, não deverá isso ser considerado doping, no fundo é como se tivesse barbatanas calçadas.

 

Tenho dito...

publicado por pitti às 03:45

11
Ago 08

Vai daí estava eu a pensar na vida, e a trocar mensagens com a S., e surgiu-me uma ideia brilhante, e não, não levei com uma lanterna na cabeça, simplesmente relacionei a impressão digital com o binomio qualidade defeito, nas pessoas se é que me faço entender.

Da mesma forma que no dedo há alto e baixo relevo, tambem cada pessoa tem qualidades e defeitos, e não existe ninguem com dedos lisos, salvo claro as pessoas que os queimam, da mesma forma tambem não existe ninguem só com qulidades ou defeitos.

Ok, a ideia pode estar mal acabada... mas dá que pensar

publicado por pitti às 04:20
sinto-me:

 

Vai daí a Lu casou-se, e quem é a Lu?, foi nada mais nada menos que a minha primeira sócia, e  agora que penso nisso tiro duas conclusões:

  1. Estou a ficar velho, se bem que a velhice é um posto e não é por falta de cabelos brancos que ainda não dei conta disso.
  2. Tenho mais juizo que ela, ou não continue eu solteiro...

Ah... o casamento foi muito bom e a mesa de direito comercial, assim se chamava a mesa em que fiquei, estava muito bem composta, um homem no meio de quatro mulheres, tank's pela localização Lu.

 

publicado por pitti às 04:10
sinto-me:
música: I Feel Good
tags:

06
Ago 08

Na certeza de estarmos certos

Erramos todos os dias

Sem reparar, sem admitir.


Tropeçamos diariamente nas nossas felicidades

À procura de.... Nada.


E bastava-nos olhar para trás

Para tornar a vida mais interessante

Mais intensa, talvez mesmo mais simples.


Olhar para onde erramos

E não repetir os erros...

Não porque não valha a pena errar

Não porque desejamos perfeição

Não porque nos cansamos

Mas porque há mais erros

Porque a vida é curta

E podemos sempre inovar

Nem que seja nos erros...

publicado por pitti às 23:19

29
Jul 08

Juro que não sou machista, mas esta tinha que por aqui, nem que seja só para rir um bocado, senão qualquer dia ainda pensam que isto é um bolg sério...

 

A MAIS MACHISTA DO SÉCULO...

    - Qual é o animal mais parecido com a mulher?
    - Resposta: A galinha!
    - 3 razões: Cabeça pequena, Traseiro grande, Cacareja que farta....

    - Qual é o animal mais parecido com o homem?
    - Resposta: A raposa.
    - 3 razões: Muita inteligência, Muito pêlo, Come galinhas!!!

 

publicado por pitti às 23:32

28
Jul 08

 

 PRECISA-SE DE MATÉRIA-PRIMA PARA CONSTRUIR UM PAÍS

  

A crença geral anterior era de que Santana Lopes não servia, bem como Cavaco, Durão e Guterres. Agora dizemos que Sócrates não serve. E o que vier depois de Sócrates também não servirá para nada. Por isso começo a suspeitar que o problema não está no trapalhão que foi Santana Lopes ou na farsa que é o Sócrates. O problema está em nós. Nós como povo. Nós como matéria-prima de um país. Porque pertenço a um país onde a ESPERTEZA é a moeda sempre valorizada, tanto ou mais do que o euro. Um país onde ficar rico da noite para o dia é uma virtude mais apreciada do que formar uma família baseada em valores e respeito aos demais. Pertenço a um país onde, lamentavelmente, os jornais jamais poderão ser vendidos como em outros países, isto é, pondo umas caixas nos passeios onde se paga por um só jornal E SE TIRA UM SÓ JORNAL, DEIXANDO-SE OS DEMAIS ONDE ESTÃO. Pertenço ao país onde as EMPRESAS PRIVADAS são fornecedoras particulares dos seus empregados pouco honestos, que levam para casa, como se fosse correcto, folhas de papel, lápis, canetas, clips e tudo o que possa ser útil para os trabalhos de escola dos filhos... e para eles mesmos. Pertenço a um país onde as pessoas se sentem espertas porque conseguiram comprar um descodificador falso da TV Cabo, onde se frauda a declaração de IRS para não pagar ou pagar menos impostos. Pertenço a um país onde a falta de pontualidade é um hábito. Onde os directores das empresas não valorizam o capital humano. Onde há pouco interesse pela ecologia, onde as pessoas atiram o lixo nas ruas e depois reclamam do governo por não limpar os esgotos. Onde pessoas se queixam que a luz e a água são serviços caros. Onde não existe a cultura pela leitura (onde os nossos jovens dizem que é "muito chato ter que ler") e não há consciência nem memória política, histórica nem económica. Onde nossos políticos trabalham dois dias por semana para aprovar projectos e leis que só servem para caçar os pobres, arreliar a classe média e beneficiar a alguns. Pertenço a um país onde as cartas de condução e as declarações médicas podem ser "compradas", sem se fazer qualquer exame. Um país onde uma pessoa de idade avançada, ou uma mulher com uma criança nos braços, ou um inválido, fica em pé no autocarro, enquanto a pessoa que está sentada finge que dorme para não lhe dar o lugar. Um país no qual a prioridade de passagem é para o carro e não para o peão. Um país onde fazemos muitas coisas erradas, mas estamos sempre a criticar os nossos governantes. Quanto mais analiso os defeitos de Santana Lopes e de Sócrates, melhor me sinto como pessoa, apesar de que ainda ontem corrompi um guarda de trânsito para não ser multado. Quanto mais digo o quanto o Cavaco é culpado, melhor sou eu como português, apesar de que ainda hoje pela manhã explorei um cliente que confiava em mim, o que me ajudou a pagar algumas dívidas. Não. Não. Não. Já basta.
Como "matéria-prima" de um país, temos muitas coisas boas, mas falta muito para sermos os homens e as mulheres que nosso país precisa. Esses defeitos, essa "CHICO-ESPERTERTICE PORTUGUESA" congénita, essa desonestidade em pequena escala, que depois cresce e evolui até converter-se em casos escandalosos na política, essa falta de qualidade humana, mais do que Santana, Guterres, Cavaco ou Sócrates, é que é real e honestamente ruim, porque todos eles são portugueses como nós, ELEITOS POR NÓS. Nascidos aqui, não em outra parte... Fico triste. Porque, ainda que Sócrates fosse embora hoje mesmo, o próximo que o suceder terá que continuar trabalhando com a mesma matéria-prima defeituosa que, como povo, somos nós mesmos. E não poderá fazer nada... Não tenho nenhuma garantia de que alguém possa fazer melhor, mas enquanto alguém não sinalizar um caminho destinado a erradicar primeiro os vícios que temos como povo, ninguém servirá. Nem serviu Santana, nem serviu Guterres, não serviu Cavaco, e nem serve Sócrates, nem servirá o que vier. Qual é a alternativa? Precisamos de mais um ditador, para que nos faça cumprir a lei com a força e por meio do terror? Aqui faz falta outra coisa. E enquanto essa "outra coisa" não comece a surgir de baixo para cima, ou de cima para baixo, ou do centro para os lados, ou como queiram, seguiremos igualmente condenados, igualmente estancados…igualmente abusados! É muito bom ser português. Mas quando essa portugalidade autóctone começa a ser um empecilho às nossas possibilidades de desenvolvimento como Nação, então tudo muda... Não esperemos acender uma vela a todos os santos, a ver se nos mandam um Messias. Nós temos que mudar. Um novo governante com os mesmos portugueses nada poderá fazer. Está muito claro... Somos nós que temos que mudar. Sim, creio que isto encaixa muito bem em tudo o que anda a nos acontecer: desculpamos a mediocridade de programas de televisão nefastos e francamente tolerantes com o fracasso. É a indústria da desculpa e da estupidez. Agora, depois desta mensagem, francamente decidi procurar o responsável, não para castigá-lo, senão para exigir-lhe (sim, exigir-lhe) que melhore seu comportamento e que não se faça de mouco, de desentendido. Sim, decidi procurar o responsável e ESTOU SEGURO QUE O ENCONTRAREI QUANDO ME OLHAR NO ESPELHO. AÍ ESTÁ. NÃO PRECISO PROCURÁ-LO EM OUTRO LADO. E você, o que pensa?.... MEDITE!

 

 

 

 EDUARDO PRADO COELHO In Publico

 

 

publicado por pitti às 04:38

26
Jul 08

De vez em quando dou comigo a fazer umas comparações meias parvas (digo eu e acho que não sou o único), Portugal e a ejaculação precoce, aparentemente não tem nada a ver... mas vejamos, tudo o que acontece de importante em Portugal é envolto em grande expectativa e euforia, um exemplo bem recente é o europeu de futebol, e quando chega a hora da verdade o que é que acontece??? FRACASSO... pode até nem ser, mas comparativamente com a entrada à campeão que fazemos pode muito bem ser tomada como tal....

Tenho dito.

publicado por pitti às 21:53

25
Jul 08

 

Bem, com a crise que anda para aí é sempre bom saber disto. Acho que é desta que vou mudar de profissão.

publicado por pitti às 23:58
sinto-me:

 

Tudo começou com um tal Henriques que não se dava bem com a mãe e acabou por se vingar na pandilha de mauritanos que vivia do outro lado do Tejo. Para piorar ainda mais as coisas, decidiu casar com uma espanhola qualquer e não teve muito tempo para lhe desfrutar do salero porque a tipa apanhou uma camada de peste negra e morreu.

Pouco tempo depois, o fulano, que por acaso era rei, bateu também as botas e foi desta para melhor. Para a coisa não ficar completamente entregue à bicharada, apareceu um tal João que, ajudado por um amigo de longa data que era afoito para a porrada, conseguiu pôr os espanhóis a enformar pão e ainda arranjou uns trocos para comprar uns barcos ao filho que era dado aos desportos náuticos. De tal maneira que decidiu pôr os barcos a render e inaugurou o primeiro cruzeiro marítimo entre Lisboa e o Japão com escalas no Funchal, Salvador, Luanda, Maputo, Ormuz, Calecute, Malaca, Timor e Macau.

Quando a coisa deu para o torto, ficou nas lonas só com um pacote de pimenta para recordação e resolveu ir afogar as mágoas, provocando a malta de Alcácer-Quibir para uma cena de estalo. Felizmente, tinha um primo, o Filipe, que não se importou de tomar conta do estaminé até chegar outro João que enriqueceu com o pilim que uma tia lhe mandava do Brasil e acabou por gastar tudo em conventos e aquedutos.

Com conventos a mais e dinheiro menos, as coisas lá se iam aguentando até começar tudo a abanar numa manhã de Novembro. Muita coisa se partiu. Mas sem gravidade porque, passado pouco tempo, já estava tudo arranjado outra vez, graças a um mânfio chamado Sebastião que tinha jeito para o bricolage e não era mau tipo apesar das perucas um bocado amaricadas. Foi por essa altura que o Napoleão bateu à porta a perguntar se o Pedro podia vir brincar e o irmão mais novo, o Miguel, teve uma crise de ciúmes e tratou de armar confusão que só acabou quando levou um valente puxão de orelhas do mano que já ia a caminho do Brasil para tratar de uns negócios.

A malta começou a votar mas as coisas não melhoraram grande coisa e foi por isso que um Carlos anafado levou um tiro nos coiratos quando passeava de carroça pelo Terreiro do Paço. O pessoal assustou-se com o barulho e escondeu-se num buraco na Flandres onde continuaram a ouvir tiros mas apontados a eles e disparados por alemães. Ao intervalo, já perdiam por muitos mas o desafio não chegou ao fim porque uma tipa vestida de branco apareceu a flutuar por cima de uma azinheira e três pastores deram primeiro em doidos, depois em mortos e mais tarde em beatos.

Se não fosse por um velhote das Beiras, a confusão tinha continuado mas, felizmente, não continuou e Angola continuava a ser nossa mesmo que andassem para aí a espalhar boatos. Comunistas dum camandro! Tanto insistiram que o velhote se mandou do cadeirão abaixo e houve rebaldaria tamanha que foi preciso pôr um chaimite e um molho cravos em cima do assunto. Depois parece que houve um Mário qualquer que assinou um papel que nos pôs na Europa e ainda teve tempo para transformar uma lixeira numa exposição mundial e dar um jeito à Suiça e confirmar a tradição com a Alemanha.

publicado por pitti às 15:59
sinto-me:

Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


subscrever feeds
arquivos
2009

2008